Berlim passará a cobrar taxa de turistas em pernoites de hotéis.

Berlim passará a cobrar taxa de turistas em pernoites de hotéis
“O governo da cidade de Berlim decidiu implementar um imposto de 5% sobre estadias em hotéis turísticos. A medida passa a valer a partir deste verão no hemisfério Norte e faz parte dos esforços para fortalecer as finanças da capital alemã.
O chamado “imposto da cidade” deverá ser cobrado sobre pernoites em hotéis e outros tipos de alojamento, como albergues e parques para campings a partir do dia 1º de julho.
Estadias consideradas de negócios estarão dispensadas da taxa. No entanto, não está claro como as autoridades farão para diferenciar um visitante do outro.
Berlim tem se tornado um destino popular por quem busca passar as férias nos últimos anos. Sua importância vem aumentando desde 1999, quando a transferência do governo alemão foi feita de Bonn para a cidade.
O governo local espera arrecadar 25 milhões (mais de R$ 65 milhões) por ano com a nova medida.”
A implementação da cobrança desta taxa, embora com outra denominação (bed tax) já havia sido comentada no site http://www.etoa.org/policyareas/tourist-taxes/germany há algum tempo.
À época, a consideração do site European Tour Operators Association era o de que outras cidades da Alemanha começariam a cobrar a “bed tax” a partir de 2012, mas enfatizaram que “Mais alarmante é que em novembro de 2011, autoridades locais de Berlim sancionaram a introdução de um “imposto de cama” (bed tax)…” e questionavam quando e se entraria em vigor em 2013.
Mencionava ainda o provável percentual. Como se vê na reportagem que trouxe a FOLHA DE S.PAULO, ele será devido a partir de 1º de julho de 2013 e o percentual será o de 5% sobre estadias em hotéis turísticos.
Fontes: FOLHA DE S.PAULO (Caderno Turismo – F12, 02 de maio de 2013) e o site http://www.etoa.org/policyareas/tourist-taxes/germany.

Wyllelm

Link permanente para este artigo: https://ifttabrasil.org/?p=1429